Aprenda a abrir novamente o seu coração e cure a sua vida

tumblr_llhju0S9L71qeh4h3o1_500

Nós nascemos para fluir na vida. E isso significa vivermos sem qualquer experiência de dor e sofrimento, nem física nem emocional. Mas, existem processos involuntários e inconscientes, originados nas mais diversas circunstâncias de nossa existência, que interrompem esse fluxo natural, que impedem a felicidade plena.

A cura envolve ir em direção da totalidade do ser, de nossas partes perdidas e esquecidas, da dor. Na verdade, essas emoções sofridas foram a forma como o seu vivenciou essas energias, energias reais e físicas, independente do nível de consciência que ela tenha sido vivenciada. E assim, o corpo transforma-as em doenças, a mente em situações repetidas em nossa vida.

Vivemos um período importante na história da humanidade, um período de mudança coletiva para um novo patamar de consciência e isso não é metafísico; podemos facilmente observar isso ao lermos os jornais e vermos o que tem acontecido em todo o mundo. Toda crise antecede uma profunda cura e uma consequente transformação

A mediação com o mundo tem deixado de ser cada vez mais por figuras de autoridade e passado a ser pela transcendente experiência individual, cada vez mais responsável, que perpassa o nível de fluidez e conexão que cada pessoa tem com seu íntimo.

Durante um período da história da própria Psicologia, uma pessoa em análise “culpava” o inconsciente por certas atitudes e emaranhados que se encontrava. Pergunto-me se ainda há espaço para isso, contrapondo o fato de estarmos num massivo despertar para níveis mais elevados de nós mesmos.

O processo de cura tem se apresentado de forma clara e real na experiência da vida, na identificação dos sentimentos que impedem tal experiência, na liberação das emoções que nos aprisionam, na descoberta da Fonte inesgotável de Todo Amor que reside dentro de nós.

Este (re-)encontro faz parte de um processo maior, em que nos deparamos com nossos sabotadores, nossas máscaras, muitas vezes necessárias, partes nossas que morreram com nossas decepções, boicotadas com cortes que a vida nos dá; e dá (!), porquê é necessário que aprendamos a lidar que o fluir deste momento de transição e com as limitações, que também são transitórias.

A cena que segue, do filme “Comer, Rezar e Amar”, representa uma incrível experiência de cura. A dor esconde uma intensa fonte de amor, de felicidade e prazer. Como uma nuvem que acoberta o sol, a dor foi a forma como nos protegemos de situações que não estávamos preparados.

Ao expandirmos nossa consciência e nos conectarmos com nossa essência, podemos finalmente liberar as amarras que têm impedido-nos de fluir nessa experiência de vida e de sermos tudo o que podemos ser, em total aceitação, sem julgamento, na integridade que realmente somos. Ao nos liberamos, liberamos todos os envolvidos, porquê somos várias substâncias que compõem uma Única célula. Quando estamos vivendo a vibração do Amor, todos os esforços serão para nos reintegramos.

A conexão com uma expansão de nós mesmos, que chamamos de espiritual, ocorre espontaneamente quando abrimos nosso coração. Mas, existe um velho dizer japonês que traduzindo fala: “Se queres receber o Visitante, deixa a casa vazia e a porta aberta”. Aprender a abrir o coração é o aprendizado mais importante.

E isso é All-Love, essa é a experiência que tem mudado a vida de inúmeras pessoas! E nosso esforço, é de que esta energia transforme todo o planeta!

Com todo o meu amor.

Por Nelson Matheus.

(*) A personagem interpretada por Julia Roberts identifica, logo após ter se casado que aquela não era a vida que de fato ela queria. Como escritora, ela viu sua criatividade se esvair. Finalizando o casamento, repleto de mágoas devido aos enganos, ela sai em uma viagem por algumas partes do mundo em busca desse resgate pelo prazer de estar vida. No caminho, ela encontra a Si-Mesma. Nisso, ela encontra uma profunda cura com seu ex-marido e liberta a si mesma, e ele, para poder voltar a fluir. E flui.

.

Se para você é difícil lidar com isso sozinho, conheça nossa Classe All-Love dedicada a este propósito num incrível trabalho realizado em grupo, clique aqui.

Ou para fazer um atendimento individual de All-Love, acesse aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s